(41) 3402-5235 | (41) 3618-0043 | (41) 9 9162-1330 | (41) 9 8875-2642 | (41) 3074-7482 clinicafagundes@gmail.com

Se você está descontente com o que vê nas selfies ou nos videos, o responsável por isso pode ser o terço inferior da sua face, formado pelas estruturas da parte de baixo do rosto, que incluem o queixo e a linha do maxilar. Para muitos, ter o terço inferior da face bem definidos e fortemente ancorados na estrutura óssea é um sinal de jovialidade e beleza.

“Ao tratar da estrutura como um todo, que inclui o reposicionamento ósseo e do tecido conjuntivo e gordura, tem-se um resultado mais natural”, diz a Dra. Marina Fagundes, especialista em cirurgia facial.

Mais uma vez, a perda do colágeno e da elastina, aliada à reabsorção óssea e de gordura – que ocorrem com o envelhecimento – são responsáveis pela perda da definição do rosto da pela flacidez. Nesse caso, procedimentos como o lifting facial e cervical e a radiofreqüência podem ajudar. A harmonização facial, que é o conjunto de procedimentos minimanente invasivos que visam corrigir as pequenas assimetrias do rosto como um todo, é outro caminho para quem quer ter a sensação de “volta no tempo”.

Na harmonização facial combina-se intervenções como aplicação de toxina botulínica, preenchimento e outros procedimentos minimamente invasivos para um resultado natural. Mas, tudo depende de cada caso, avaliado a partir da particularidade de cada indivíduo. “A consulta médica é fundamental para que o médico especialista possa fazer um diagnóstico da estrutura óssea, dos tecidos e da pele. O paciente pode chegar no consultório com uma ideia e, aqui, consideramos um outro caminho para chegar ao resultado desejado”, alerta a Dra. Marina.