(41) 3402-5235 | (41) 3618-0043 | (41) 9 9162-1330 | (41) 9 8875-2642 | (41) 3074-7482 clinicafagundes@gmail.com

Em um primeiro momento, falar de transplante capilar é algo relacionado mais a homens que a mulheres. Afinal, a calvície masculina é mais comum e até mesmo mais aceita socialmente. Mas, você sabia que cerca de 40% das mulheres sofrem com o problema?

O Dr. Lucas Telles, dermatologista especialista em tricologia médica, explica que a calvície nas mulheres é diferente da que acomete os homens. “Enquanto a calvície masculina afeta regiões específicas do couro cabeludo, a feminina acontece em toda a cabeça, reduzindo toda a massa capilar”, diz o Dr. Lucas.

E se após inúmeros tratamentos e procedimentos especializados a calvície persistir, por que não pensar em transplante capilar? Afinal, a pressão social e a estética afetam bastante as mulheres, não é mesmo? Por isso, o transplante capilar é uma ótima opção também para as mulheres, pois ajuda não só a recuperar o volume dos cabelos, como também melhora a auto-estima.

Mulheres que sofrem com doenças capilares, como a alopecia androgenética, com traumas ou, ainda, apresentam rarefações importantes no couro cabeludo, precisam passar por uma avaliação médica especializada para conter o quadro de queda de cabelos.

“Para as mulheres, a técnica mais indicada é a FUT, que não necessita de raspagem dos fios antes da cirurgia. Mais recentemente foi desenvolvida a técnica FUE No Shaving, que possibilita a realização da cirurgia sem raspagem e sem corte linear na área doadora”, explica o Dr. Lucas.

Considerando que é preciso ter áreas com cabelos saudáveis para fazer o transplante, não espere para agendar a sua consulta! Um exame clínico faz com que o médico membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia possa analisar sua densidade folicular e qual é o melhor caminho para você apresentar novamente um cabelo lindo e saudável.