(41) 3402-5235 | (41) 3618-0043 | (41) 9 9162-1330 | (41) 9 8875-2642 | (41) 3074-7482 clinicafagundes@gmail.com

Você sabia que a espessura da pele interfere no resultado da rinoplastia? Pense que a pele funciona como uma “capa” sobre as estruturas do nariz. Quando a pele é mais fina, o nariz é mais delicado, bem definido e com as cartilagens mais fortes. Assim, o formato da estrutura interna do nariz já se relaciona a sua modelação, tendo os resultados mais visíveis, com contornos mais perfeitos. Além disso, narizes com pele mais fina tendem a inchar menos e se recuperar mais rápido no pós-operatório. 

Mas, quando essa capa é mais espessa, a estrutura cartilaginosa terá menos influência no formato do nariz e o procedimento tem algumas particularidades. “O que mais influencia a ponta do nariz é a cartilagem nasal, que está dentro do nariz, e não a pele. É possível moldar a cartilagem, as asas do nariz e até mesmo retirar gorduras internas de toda a estrutura. Mas, não é possível reduzir a espessura da pele durante a cirurgia e, sendo assim, os resultados são menos aparentes”, explica a Dra Marina Fagundes, otorrinolaringologista, especialista em cirurgia facial.

Ainda que narizes com pele grossa tenham mais chance de inchaço e edemas, com resultados menos visíveis, a boa notícia é que hoje em dia existem medicamentos via oral e no próprio nariz, no pós-operatório, que fazem com que a pele reduza a sua espessura, potencializando os resultados do procedimento. Assim, é possível melhorar a auto-estima dos pacientes, preservando a sua anatomia e a função nasal. Atualmente é possível também fazer simulações digitais para a conversa entre médico e paciente ser mais assertiva, com expectativas visíveis a ambos.

Devido à grande variedade de etnias e sua influência na genética da população brasileira, cada nariz tem sua característica. As queixas dos pacientes devem ser avaliadas de acordo com sua individualidade. Marque uma consulta com um otorrinolaringologista ou um médico especialista em cirurgia facial e tire suas dúvidas. Ele vai te explicar muito sobre a sua própria anatomia e certamente você sairá do consultório mais consciente sobre suas possibilidades.